X-CIÊNCIA – Como funcionam os poderes elásticos?

E aí galera do bem! Este é um texto em homenagem a um grande amigo meu e membro do mega grupo, Figuraças, Ary Borracha. O Ary (fã incondicional do esticador de óculos de natação) me pediu uma explicação e inclusive uma possível diferenciação entre os poderes dos borrachudos. Criei algumas teorias sobre suas capacidades comparativamente. Então lá vai!

 

Por que a borracha estica?


Esta é simples, vou explicar de uma maneira bem básica, podemos culpar a entropia, o caos. Tudo tende ao caos. É mais fácil manter o quarto bagunçado do que arrumá-lo. Demoramos segundos para desmontar um quebra-cabeça mas horas para montá-lo. E você vai perguntar, e o que isso tem a ver?

Calma, escute, a borracha é feita de polímeros que se mantém caóticamente dispostos, como na imagem abaixo:

 

Quando esticamos a borracha, os polímeros se alinham, e ficam bonitinhos e arrumadinhos para festa, como na imagem:

E obviamente, como seu quarto, eles não permanem assim por muito tempo, é só soltar o elástico que os polímeros voltam ao caos! Sacou? A entropia comanda tudo!

Beleza, com isso em mente, vamos discutir os poderes borrachativos dos mais conhecidos “homens elásticos” do universo nerd.

– Luffy (ONE PIECE)


Começando pelo mais polêmico! Por favor, abram as mentes antes de reclamarem.

Enfim, o senhor Monkey D. Luffy ganhou seus poderes ao comer uma fruta mágica chamada Akuma no Mi. Para quem não sabe, é uma fruta maluca que deve conter o fator X dentro dela e gera um tratamento de genes no seu corpo.

Com isso Luffy diz que seu corpo é feito de borracha. Acredito que a fruta deve ter implementado polímeros em todo seu corpo. Tornando assim seu corpo de “borracha”. Uma coisa interessante e que os fãs do anime e de quadrinhos ocidentais devem ter reparado, seus poderes são os mais parecidos com o caso de um elástico real e diferente de qualquer outro da família “esticável”. Me parece que a forma “relax” de luffy é a forma caótica e não a esticada. Percebam que o Luffy não costuma se esticar sem antes exercer uma “força”. Compare as imagens do Reed Richards, quase sempre vemos ele esticado, deformado. Luffy quase sempre não parece ter “controle” de seus polímeros, ele dá um gomu gomu no pistol depois de pegar impulso, seu gomu gomu no fuusen precisa de ar para se esticar, o gomu gomu no bazooka praticamente é puxado para trás antes de ser jogado para frente. Ou seja, tirando alguns fillers malucos, o Luffy parece não controlar totalmente seus polímeros e sim usá-los com fatores externos!

Ou seja, o Luffy é mais parecido com o que seria um homem feito de polímeros. Calma, vou explicar os outros.

– Reed Richard (Senhor Fantástico) e Ralph Dibny (Homem Elástico)


Nesta deixa, pulo para explicar os poderes de um par de borrachudos. E sim, acredito que os princípios científicos das habilidades de ambos sejam equiparáveis.

Apesar de terem poderes semelhantes, suas origens são diferentes. Reed teve um banho de raios cósmicos, que devem ter alterado sua estrutura para polímeros e Ralph comeu uma fruta… puxa, agora me toquei que Ralph tem a mesma origem que Luffy. Mas antes que o pessoal otaku ache que é um plágio, saibam que o Homem Elástico teve sua primeira aparição em 1960! Mais de 30 anos antes de Luffy.

Enfim, mas qual a diferença entre o poder deles e do Luffy? Enquanto a forma natural de Luffy é sua forma “comprimida”, Reed e Ralph tem sua forma “enlongada”.  Deixa eu explicar melhor, Luffy realiza esforço para esticar, já estes dois, realizam esforço para  se manterem em sua forma natural. Doido? Não acredita? Bom, inúmeras vezes vemos que eles se esticam sem esforço, e aliás, Reed já afirmou em alguns números sobre ter que “relaxar” para se tornar mais “líquido”. Ou seja, acredito que os polímeros de ambos são tão facilmente alinháveis que talvez seu próprio peso seja suficiente para esticarem. Reed e Ralph devem manter a concentração para não “escorrerem” pelo chão.  Fazendo sua habilidade algo simples e fácil de realizar. Portanto seu nível de elasticidade é claramente maior que Luffy (sinto que toda vez que critico o poder dele alguém vai me agredir na rua).


 

  – Patrick O’Brien (Homem Borracha)



Agora sim, “Eel” O’Brien! Conhecido no Brasil como Homem Borracha!

Patrick era um bandido que num acidente industrial caiu num tanque com produtos químicos, e ao invés de ficar com cara pálida, cabelos esverdeados e sorriso estranho, ele ganhou poderes elásticos absurdos. Os fãs devem saber que os poderes do Homem Borracha são absurdamente diferentes de qualquer um citado anteriormente. Sim, porque Patrick não só estica, como ele também modela e assume propriedades de objetos. Imagine assim, se eu lhe der um elástico, você pode esticá-lo, dobrá-lo e amassá-lo. Mas você não poderia deixá-lo com um formato complexo que alteraria toda a sua forma, como um carro, ou um ventilador, etc. Mas Patrick pode fazer isso e (bizarramente) muito mais. Por exemplo, ele pode assumir a forma de um carro e ligar os faróis (!) ou mesmo como aconteceu em  Dark Knight 2 (eu sei, elseworld é um péssimo exemplo, mas enfim) ele assumiu a forma de uma balão e voou!!

Pois é, mas reparem, o nome em inglês do personagem é “PLASTIC MAN”, uma tradução diferente seria “Homem Plástico”, isso é importante, pois no caso de Ralph Dibny é “ENLONGATED MAN”, uma definição clara de seu poder. Ou seja, “Homem Borracha”, apesar de mais bonito não é uma boa descrição de seus poderes, pois acredito que, no fundo, ele não estica! Choquei vocês? Pois é, reparem, ele é plástico, ou seja mutável. A natureza dos poderes de Patrick não é se esticar e sim de mutar sua estrutura que por acaso não deve possuir polímeros. Suas partículas se tornaram variáveis como o nanometal do T-1000 em ‘Exterminador do Futuro 2’, tornando seu corpo um conglomerado de pedaços que podem se separar em nível celular e atuar como líquido. Mais parecido com Metamorfo do que Reed Richards. A título de curiosidade, se o Senhor Fantástico perder seus membros ele não poderá se reconstituir, mas Patrick funciona com nanocélulas que se deslocam para formar novas estruturas e até simular capacidades como voar, disparar mísseis e afins.

Pegando as palavras de Batman, este é o ser humano mais poderoso do mundo, sendo que além de imortal, não pode ser atingido psiquicamente, devido a sua mente não mais funcionar como a nossa.

– BÔNUS: Val Ventura (Chapa)


Este vai de bônus para quem se lembra. Val Ventura é um mutante astrofísico (esqueci de incluí-lo no meu guia de profissões Marvel), e seu brilhantismo foi ofuscado por Reed Richards. Curiosamente seus poderes são parecidos. Na verdade Val é um ser 2D, ou seja, possui apenas 2 dimensões, e compensa sua falta de dimensão podendo se esticar. Apesar de não chegar aos pés de seu rival, Chapa tem uma outra habilidade interessante. Se permanecer na lateral, fica praticamente invisível! Ok, parece bobo, mas ele pertence a um grupo que rivaliza com a Liga de Giffen como a equipe de supers mais divertida dos quadrinhos, os Vingadores Centrais (apesar de agora terem outro nome).

Mas enfim, Chapa parece possuir habilidades similares a Reed e Ralph contudo em apenas 2 dimensões, bizarro.

 

 

CONCLUSÕES (lembrando que estamos levando em conta apenas a habilidade de esticar e não quem venceria numa luta)


– Quem se estica mais?

Cientificamente falando: Homem Borracha. O fato de seu corpo não apresentar limites, ou de praticamente se tratar de um ser líquido, faz com que talvez (eu disse talvez) seja possível empilhar suas células uma do lado da outra. Deixando a idéia de polímeros no chinelo. E o último lugar deve ser disputado entre Luffy e Chapa, que parecem ter habilidades com níveis de comprometimento (Chapa não estica em todas as dimensões e Luffy parece necessitar de força, não que ele não tenha, mas sua habilidade de esticar é claramente inferior à de Reed apesar de ser melhor usada).

-Quanto eles poderiam se esticar?

Bom, vamos pensar no que mais estica, Homem Borracha. Imaginando seu limite, onde ele se esticaria ao máximo, criando uma linha tão fina que praticamente teríamos uma célula do lado da outra.

Um corpo normal tem em torno de 10 trilhões de células, e o tamanho de uma célula é aproximandamente 0,0000001 m. Logo, por simples multiplicação, Homem Borracha chegaria no máximo a 1000000 m (mil quilômetros). Mais que isso poderia destruir suas células (considerando que ele não é fluído a nivel molecular, o que seria difícil). Achou pouco? Bom, é o mesmo que dizer que Homem Borracha pode se esticar de São Paulo ao Espírito Santo e ainda sobraria uns 200 m para pedir informações.

-Qual a utilidade deste texto?

Quem mandou esta pergunta? Ah, não tô aqui pra ouvir isso, vou embora, fui!

AUTOR: Marcelo
Marcelo é formado em Física pela USP, mestre em Astrofísica, nas horas vagas está terminando seu doutorado em Astronomia e nas horas mais vagas escreve para o Provollone.

 

Referências:

http://pslc.ws/macrog/exp/rubber/sepisode/ent.htm

http://marvel.wikia.com/Main_Page 

http://dc.wikia.com/wiki/Main_Page 

Anúncios

3 comentários sobre “X-CIÊNCIA – Como funcionam os poderes elásticos?

  1. Pingback: X-Ciência – Como funcionam os poderes do Tocha Humana? |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s