Divã do Provollone – O Amor nos Quadrinhos

Ah… o amor! Esse sentimento que aquece os nossos corações e nos faz cometer loucuras. Quem nunca se apaixonou? Quem nunca sofreu por amor? Pois é, jovem leitor apaixonado, hoje vamos falar sobre alguns dos relacionamentos mais famosos dos quadrinhos. 

Parece que hoje em dia a principal causa de sofrimento do ser humano é amar! Um sentimento que deveria ser algo bom, às vezes pode acabar com a vida de alguém e cada vez mais as pessoas procuram ajuda profissional para aprender a lidar com as desilusões amorosas que acontecem em suas vidas. E será que o amor pode causar estrago também na vida dos super-heróis? Que loucuras eles podem cometer em nome desse sentimento? Vamos descobrir agora!

Para começar, devemos entender melhor como esse sentimento pode agir na vida de uma pessoa. Vamos supor que um indivíduo qualquer encontre uma garota e ache ela muito bonita. O corpo dele vai começar a ter respostas em relação àquela pessoa: o coração pode bater mais forte, o estômago parecer estar cheio de borboletas, além de a pessoa sentir tremedeiras, ficar ofegante etc. Esses sentimentos vão ajudar o corpo a liberar hormônios relacionados ao prazer.

Precisamos saber que o nosso organismo é viciado em sentir prazer. Estamos sempre buscando meios de liberar os hormônios que causam essa sensação agradável. O cérebro então, vai entender que precisamos ficar mais vezes perto daquela pessoa específica, para poder liberar mais desses “hormônios legais”. Esse conjunto de sentimento é o que podemos chamar de paixão.

E quando a paixão evolui para amor?

Digamos que de tanto ficar perto daquela garota que você está apaixonado, descobre que tem muitos gostos em comum. Começam a conversar sobre vários assuntos e descobrem que ambos gostam de filme de terror ou de ir pra praia, por exemplo. É nesse momento, então, que a magia acontece e a paixão vira amor.

Agora sim vamos pro que interessa! Hora de analisar alguns casais dos quadrinhos e descobrir o tipo de relacionamento que eles têm:

Pra começar, temos a Mônica e o Cebolinha (sim, eu sei que eles são crianças). Quem não se lembra de quando era pequeno e odiava garotas? Funciona mais ou menos como no filme Os Batutinhas. Quando somos pequenos não entendemos muito bem esse sentimento pelas meninas, e tentamos ao máximo afastá-las. No caso da turminha da rua do Limoeiro, o Cebolinha xinga a Mônica o tempo inteiro, rouba seu coelhinho e tem um clube só para os meninos. Apesar disso tudo, sabemos o que o futuro reserva para os dois.

Temos uma outra situação onde os dois pombinhos são completamente malucos, como no caso do Coringa e da Arlequina. Na verdade, sempre soubemos que ele não gosta muito dela. O pudinzinho se aproveita da Arlequina e pede pra ela fazer tudo que ele quer.

 

Alguns outros personagens usam um amor para curar a dor de outro. É o caso do nosso amigo aracnídeo, que logo após a morte da Gwen, resolve dá uma chance pra modelo ruiva da Marvel.

Tem personagem que curte mesmo é uma coisa a três. Um abraço pra Jean, pro Scott e pro Logan.

Outros preferem o amor das máquinas ao invés dos humanos.  A Feiticeira Escarlate teve um longo relacionamento com o Visão. O resultado disso quase foi o fim dos Vingadores nas mãos do Bendis.

 

Quem nunca teve aquele amigo que se apaixona por todo mundo?  Esse é o Wolverine.

 

Aquele casal que só vive brigando e que no fundo se ama. Nunca vão ficar juntos de verdade, mas vivem se pegando por ai… É desse jeito o relacionamento do Batman e da Mulher Gato.

Aquele casal que é tão certinho que chega a incomodar… (tinha que ser da DC!)

Tem também aquele casal proibido.

Temos o casal quebrando paradigmas!

Enfim, os quadrinhos estão cheios de todos os tipos de casais possíveis e imagináveis. Qual o seu preferido?

Autor: Léo Provollone


Léo é formado em psicologia, coleciona quadrinhos, bonequinhos e casos de bebedeira. Além de seus sérios problemas com TOC, como separar seus imãs de geladeira com uma régua, Léo considera HOUSE a melhor série já feita pelo homem, apesar de nunca ter assistido o último episódio.

Anúncios

Um comentário sobre “Divã do Provollone – O Amor nos Quadrinhos

  1. Pingback: Texto do Leo 9 |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s